Por favor aguarde...



News

GRID VIEW

No more posts

Ficou com alguma dúvida?

Pergunte ao doutor ou marque uma consulta.


Endereço

Av. Brigadeiro Luis Antonio 4211
Jardins | São Paulo – SP


EMAIL

contato@institutomorrell.com


Telefone

98693-8675


Telefone

11 5539-3515
11 5539-6216


Horário

Seg – Sex, 09:00 – 19:00
Fechado aos Finais de Semana



Contato

ENVIE A SUA MENSAGEM






Seu Nome

Seu E-mail

Assunto

Mensagem


87022115_556286131641469_1232072142644838400_o.jpg
21/fev/2020

A diástase de músculo reto abdominal é o afastamento dos músculos da frente do abdome,  apresentando fragilidade e flacidez da parede abdominal.

Sua maior incidência é após a gestação, quando o abdome da mulher acaba se moldando a fim de comportar o bebê em sua barriga com o crescimento uterino, 🤱 causando o afastamento da musculatura. Outra causa importante da diástase são em casos de obesidade.

Ela pode surgir acima da cicatriz umbilical, na cicatriz ou abaixo desse nível, sendo o último menos frequente.

O paciente com diastase apresenta em sua maioria desconforto e flacidez na parede abdominal, com sensação de peso; alguns até confundindo com uma hérnia abdominal.  O prejuízo estético no local é evidente sendo também enorme causa de procura por tratamento médico. Há também quem sinta dor na região lombar e coluna devido a fragilidade da parede abdominal.

O Instituto Morrell – Centro Avançado de Tratamento e Cirurgia – é pioneiro 💢 no tratamento robótico dessa doença, realizando a cirurgia de correção sob a tecnologia minimamente invasiva robótica com diversos benefícios ao paciente, sem cicatrizes grandes, menos dor e ótimo resultado funcional e estético para as pacientes.

Dúvidas? Agende a sua consulta: nossos telefones são 📲 (11) 5539-3515 / 5539-6216. Nosso WhatsApp é (11) 98693 – 8675.

Mais informações sobre cirurgia bariátrica, robótica, cirurgias da parede abdominal e operações para o tratamento de câncer entre em contato por e-mail contato@cirurgiaobesidade.com.br.


Dr. Alexander Morrell – CRM 45285/SP


86848849_554653508471398_1280601931605082112_o.jpg
19/fev/2020

A paciente Priscila Estricanholi, bancária de 31 anos, passou por uma  cirurgia bariátrica de gastroplastia em Y de Roux laparoscópica em junho de 2014, no Instituto Morrell.

Confira o depoimento da paciente:

“Antes da cirurgia eu sentia muitas dores nos joelhos, nas costas e dificuldade para o deslocamento e, após a bariátrica, não apresentei qualquer doença ou problema de saúde.
Meu peso anterior era 112 quilos, cheguei aos 56 e hoje mantenho o peso de 60 quilos.

Até emagrecer eu não conseguia me movimentar e isso me causava dificuldade para me conectar com outras pessoas: 🚶‍♀ tinha vergonha do meu corpo e de quem eu era.

Não conseguia me vestir de uma forma que me sentisse confortável, tinha restrições para me sentar em locais como restaurantes ou usar um provador em loja de departamentos.  Sempre fiz o acompanhamento com toda a equipe multidisciplinar, pré e pós- cirurgia bariátrica, mantive consultas com a nutricionista, psicólogo, gastro, endocrinologista e personal trainer.

Precisei alcançar a consciência de que tratava a comida como válvula de escape para problemas emocionais.

Além disso, é importante saber que a cirurgia sozinha não vai mudar a sua vida.  O paciente precisa estar aberto para mudar seus hábitos e, para quem tem medo, o procedimento cirúrgico é o primeiro passo para uma nova vida, a sua chance de se redescobrir. No começo não é fácil, mas os resultados são efetivos. Não me arrependo e me orgulho por não ter estagnado diante do grande problema que era a minha obesidade.

Com todo o aprendizado, consigo fazer melhores escolhas na hora de montar o meu prato, em quantidade e em volume. Hoje busco benefícios para a minha saúde e me sentir disposta para viver a vida de maneira mais ativa, ver resultados na pele, no corpo e conseguir ser feliz como um todo”.

A Priscila é uma dentre inúmeras pessoas que desfruta hoje de uma melhora em sua qualidade de vida após um tratamento de excelência.  Sua determinação aliada a uma equipe multiprofissional qualificada exemplifica de forma real os benefícios da cirurgia bariátrica e metabólica.

O Instituto Morrell agradece pela confiança e entusiasmo do seu depoimento.

Dúvidas? Entre em contato conosco e agende a sua consulta. Nossos telefones são (11) 5539-3515 / 5539-6216. Nosso WhatsApp é (11) 98693 – 8675.

Dr. Alexander Morrell – CRM 45285/SP


85088737_547274029209346_1420886962335645696_o.jpg
17/fev/2020

Grande parte dos tumores de intestino se iniciam a partir de pólipos, lesões benignas que podem crescer na parede interna do intestino grosso.  Essas lesões podem ser identificadas e retiradas em exames como a colonoscopia, evitando sua evolução.

Entre alguns fatores de risco relacionados à alimentação para o desenvolvimento do câncer colorretal estão:

O alto consumo de carnes vermelhas e alimentos processados. 🥩 Uma única fatia de bacon ao dia aumenta em 20% as chances de desenvolvimento da doença, de acordo com um estudo publicado na International Journal of Epidemiology.

A indicação é do consumo de carnes vermelhas de até 70 gramas por dia. Também é possível substituir por carnes brancas, como de 🐟 peixes ou aves.

Dietas com baixo teor de fibras também são de risco mais elevado no aparecimento do câncer.

A ingestão de álcool 🍻 também tem sua parcela no aumento do risco de câncer de cólon.

No Brasil o câncer de intestino é o terceiro que mais afeta a população.
Dúvidas? 📲 Entre em contato conosco e agende a sua consulta. Nossos telefones são (11) 5539-3515 / 5539-6216. Nosso WhatsApp é (11) 98693 – 8675.

Mais informações sobre cirurgia bariátrica, robótica, cirurgias da parede abdominal e operações para o tratamento de câncer no site www.cirurgiaobesidade.com.br ou entre em contato por e-mail contato@cirurgiaobesidade.com.br.

Dr. Alexander Morrell – CRM 45285/SP


84212287_551521425451273_8922674543168847872_o.jpg
14/fev/2020

A vesícula biliar é uma pequena bolsa localizada abaixo do fígado, com a função de armazenar a bile produzida pelo fígado. A bile auxilia principalmente na digestão das gorduras durante nossa alimentação.

CÁLCULOS NA VESÍCULA:  Os cálculos (ou pedras) podem ocorrer devido a um desequilíbrio no processo de concentração da bile, entre a quantidade de água e as substâncias presentes nela. Alguns pacientes podem não apresentar nenhum sintoma, no entanto, boa parte das pessoas que possuem uma pedra na vesícula sentem sim sintomas, como dor, cólica e náusea. Nesses casos, o tratamento é feito através da cirurgia para a retirada da vesícula de forma minimamente invasiva.

PÓLIPOS NA VESÍCULA:  Ocorrem como crescimento na parede da vesícula biliar, e podem ser pequenos tanto benignos quanto malignos, evoluindo para câncer. O seu tamanho e crescimento ao longo do tempo são parâmetros de um sinal de alarme maior. Nos casos de maior risco, é indicada a cirurgia para retirada da vesícula biliar.

Dúvidas? Entre em contato conosco e agende a sua consulta. 📲 Nossos telefones são (11) 5539-3515 / 5539-6216. Nosso WhatsApp é (11) 98693 – 8675.

Mais informações sobre cirurgia bariátrica, robótica, cirurgias da parede abdominal e operações para o tratamento de câncer entre em contato por e-mail contato@cirurgiaobesidade.com.br.

Dr. Alexander Morrell – CRM 45285/SP


83485591_551460455457370_4700469649635016704_o.jpg
13/fev/2020

Apresenta sintomas no aparelho digestivo mas ainda não sabe quais são as causas
.
Procure um médico especialista e agende a sua consulta para uma análise completa e conhecimento do caso.

Lembre-se que enquanto mais cedo é realizado o diagnóstico mais fácil é o tratamento.

O doutor Alexander Morrell é cirurgião bariátrico, do aparelho digestivo e especialista em cirurgia robótica.  Atual presidente do capítulo de São Paulo da Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica e Metabólica (SBCBM) e ex-presidente da Sociedade Brasileira de Hérnia (SBH).

Agende seu horário no Instituto Morrell. 📲 Nossos telefones são (11) 5539-3515 / 5539-6216. Nosso WhatsApp é (11) 98693 – 8675.

Mais informações sobre cirurgia bariátrica, robótica, cirurgias da parede abdominal e operações para o tratamento de câncer entre em contato por e-mail contato@cirurgiaobesidade.com.br.

Dr. Alexander Morrell – CRM 45285/SP


84157305_549837728952976_2578302029231292416_o.jpg
10/fev/2020

O câncer gástrico, também conhecido como câncer de estômago, atinge cerca de 20 mil brasileiros ao ano, de acordo com o Instituto Nacional do Câncer (INCA). É o terceiro mais frequente em homens e o quinto entre as mulheres.

Ele se origina na camada mais interna do órgão, a mucosa gástrica, e a partir dela podem crescer e aprofundar em outras áreas. O seu tipo mais conhecido é chamado de adenocarcinoma. Há também outros tipos de câncer que tem sua origem de forma distinta.

O grupo de risco para ele varia desde ter histórico familiar de câncer até tabagismo, acometimento gástrico pela bactéria H. pylori, gastrite crônica dieta pobre em frutas e vegetais ou repleta de alimentos com sal.  Pessoas que se enquadrem nestas situações devem realizar exames rotineiros, de acordo com a orientação médica.

Entre os sintomas do câncer de estômago estão:
1⃣ – dor de estômago (epigastralgia)
2⃣ – dificuldade de alimentação e sensação de “estômago cheio” (saciedade)
3⃣ – azia ou queimação
4⃣ – perda de peso
5⃣ – fraqueza e cansaço
6⃣ – anemia
7⃣ – vômito com conteúdo sanguinolento
8⃣ – fezes enegrecidas, em “borra de café”; e fortemente mal cheirosas (melena, decorrente do sangramento dentro do trato digestivo e sua digestão até sua exteriorização)
9⃣ – perda de apetite
🔟 – desânimo
.
Caso apresente os sintomas, procure um médico especialista.


TIPOS DO CÂNCER O tipo adenocarcinoma é responsável por cerca de 95% dos casos, mas também podem ocorrer linfomas (3% dos casos) e sarcomas, que são muito raros. Um exemplo deste tipo raro de câncer que pode afetar o estômago é o tumor estromal gastrointestinal, mais conhecido como GIST.

Entre em contato com a nossa equipe e agende a sua consulta. Nossos telefones são 📲 (11) 5539-3515 / 5539-6216. Nosso WhatsApp é (11) 98693 – 8675.

Dr. Alexander Morrell – CRM 45285/SP


84836726_547270332543049_2114063940534140928_o.jpg
07/fev/2020

A cidade de São Paulo está entre as quatro capitais com mais mulheres com excesso de peso,  com 56,6% das paulistas, de acordo com a última pesquisa divulgada pela Vigitel, em 2019.

Entre os homens de SP, 58% está acima do peso, em 12ª entre as capitais brasileiras.

Ainda de acordo como levantamento, no conjunto das 27 cidades pesquisadas a frequência de excesso de peso foi de 55,7%, sendo, ligeiramente maior entre homens (57,8%) do que entre mulheres (53,9%).
Cuide sempre da sua saúde. 🏋‍♀ Tenha hábitos saudáveis e mantenha a prática regular de exercícios físicos.

Mais informações sobre cirurgia bariátrica, robótica, cirurgias da parede abdominal e operações para o tratamento de câncer entre em contato por e-mail contato@cirurgiaobesidade.com.br.

Dr. Alexander Morrell –  Presidente do capítulo de São Paulo da Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica e Metabólica – CRM 45285/SP


84735431_547264469210302_3391405605414502400_o.jpg
06/fev/2020

O XXI Congresso de Cirurgia Bariátrica e Metabólica acontece aqui em São Paulo, entre os dias 3 e 6 de junho, na Transamerica Expo Center.

Serão três dias de imersão no tratamento da obesidade,  envolvendo cirurgiões e especialistas da equipe multidisciplinar.

Farei três palestras em diferentes dias do evento:

.1⃣ – Hemorragia digestiva alta e baixa no paciente operado – diagnóstico e tratamento
Dor Abdominal Bariátrica

.2⃣ – Achados inesperados durante a cirurgia bariátrica

.3⃣ – Cirurgia Revisional

O segundo vencimento para as inscrições com desconto acontece em 19/02.  Aproveite os preços promocionais e participe.

Alexander Morrell – Presidente do capítulo de SP da Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica e Metabólica (SBCBM).

CRM 45285/SP


83630647_545578439378905_5901516700880207872_o.jpg
03/fev/2020

Alexander Morrell é cirurgião bariátrico, do aparelho digestivo e especialista em cirurgia robótica.  Atual presidente do capítulo de São Paulo da Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica e Metabólica (SBCBM) e ex-presidente da Sociedade Brasileira de Hérnia (SBH).

Presença constante em congressos, já realizou diversas cirurgias demonstrativas AO VIVO em palestras e encontros cirúrgicos nacionais e internacionais. Se formou em medicina pela Universidade Federal de São Paulo e se tornou mestre na mesma instituição.

 Foi um dos pioneiros na especialização em cirurgias minimamente invasivas na década de 1990 no e atualmente uma referência de cirurgia robótica no Brasil.

É responsável pelo Instituto Morrell – Centro Avançado de Tratamento e Cirurgia, uma clínica especializada em cirurgia do aparelho digestivo, cirurgia de bariátrica e metabólica, videocirurgia e cirurgia robótica – o que há de mais moderno na área da medicina.

 Dr Alexander Morrell é médico do Centro de Obesidade do Hospital Albert Einstein e do Centro de Excelência em Cirurgia Bariátrica do Hospital São Luiz em São Paulo.
São mais de 30 anos de carreira de comprometimento e dedicação, afim de proporcionar o que há de melhor em cirurgia no país.

Confira o currículo lattes: http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4426974A0


83515008_543908546212561_3586018394731708416_o.jpg
31/jan/2020

Na maioria dos casos o câncer colorretal (intestino) se origina de pólipos, que são lesões benignas e podem crescer na parede interna do intestino grosso.  Normalmente seu crescimento é lento, porém se negligenciado, mutações em sua conformação podem gerar sua transformação de benigno a maligno.

Há ainda mutações genéticas que predispõem maior facilidade para que esses pólipos virem câncer em um tempo mais acelerado.

 A retirada desses pólipos antes de tornarem malignos é a principal forma de prevenção do câncer de intestino. Normalmente eles são assintomáticos quando pequenos e são identificados em exames de imagem como a colonoscopia e sigmoidoscopia.

Entre os fatores de risco para o desenvolvimento da doença estão ter mais de 50 anos de idade, histórico familiar da doença, histórico pessoal de câncer e obesidade, além de hábitos alimentares com pouca fibra entre outros 

A depender do estágio do pólipo, a cirurgia pode ser necessária, uma vez que a retirada por colonoscopia trata-se de um subtratamento quanto ao preceitos oncológicos. Nesses casos, a retirada do segmento doente intestinal contento o pólipo se faz necessário.

Consulte o seu médico regularmente e realize os exames solicitados com orientação. Para saber mais entre em contato conosco e agende a sua consulta. 📲 Nossos telefones são (11) 5539-3515 / 5539-6216. Nosso WhatsApp é (11) 98693 – 8675.


Instituto Morrell

O Instituto Morrell é uma Clínica Especializada em Cirurgia do Aparelho Digestivo, Cirurgia Robótica e Cirurgia da Obesidade e Distúrbios Metabólicos. Ainda, contamos com uma equipe pioneira na Cirurgia de Hérnias da Parede Abdominal e profissionais...

Certificações

Instituto Morrell | 2004 - 2020 | Todos os direitos reservados                                             Desenvolvido por Exata Design

Abra o Chat
Precisa de ajuda?
Olá, como podemos ajudar
Powered by