Hemorroidas

O que são hemorroidas?

São veias doentes que se tornam dilatadas e salientes, localizadas no interior e na borda do ânus. Estas veias são semelhantes às varizes das pernas, podendo causar dor, inchaço e sangramento ao evacuar.

Podem ser de dois tipos: As Hemorroidas internas cujo principal sintoma é o sangramento vivo ao evacuar hemorroidas internas e as Hemorroidas externas que causam geralmente dor com inchaço no local.

Como se formam as Hemorroidas?

Podemos dizer que existem fatores predisponentes e desencadeantes no aparecimento das hemorróidas.

Nascer com veias enfraquecidas e que se dilatam com o passar dos anos é o principal fator predisponente. Isto acontece com quem tem varizes nas pernas e hemorróidas.

Dentre os fatores que contribuem para desencadear o surgimento das hemorróidas destacam-se a constipação crônica com esforço acentuado ao evacuar; diarréia; gravidez; idade; hereditariedade e posição bípede (de pé) adotada pelos humanos.

Como se tratam as Hemorroidas?

Após regularizar-se o funcionamento do intestino, persistindo a dor, inchaço e sangramento nas evacuações haverá indicação de tratamento cirúrgico.

Além da cirurgia tradicional com a retirada das veias destacam-se 2 recentes e novas opções no tratamento : Cirurgia com Laser e a Cirurgia com Grampeamento (PPH).

Como é a Cirurgia com Laser? Existem vantagens?

A utilização do Laser na cirurgia proctológica é recente e foi estimulada por seu resultado em outras especialidades. A cirurgia é a mesma mas o Laser permite uma dissecção muito mais precisa e com menor lesão dos tecidos. O paciente tem menos dor e parece haver uma cicatrização mais rápida da ferida operatória. O procedimento é rápido e o paciente tem alta algumas horas após.

Como é a Cirurgia com Grampeamento – PPH?

Desenvolvida pelo Dr. Antônio Longo da Universidade de Palermo – Itália em 1993, esta técnica tem como grande vantagem a mínima dor no pós operatório (principal fator de afastamento dos pacientes da idéia de operar-se).

Utilizando-se de um grampeador circular desenvolvido especialmente para o reto o cirurgião realiza um grampeamento dentro do canal anal, interrompendo a circulação venosa. Isto faz regredir as veias dilatadas e por ser praticamente indolor permite o retorno ao trabalho mais precocemente. É um procedimento rápido (20 minutos) realizado sob anestesia loco-regional e o paciente pode ter alta hospitalar no mesmo dia.